Teônia Soares

Quem ama, tem olhar diferenciado. Teônia  Soares

Textos


 Declarada Escrita
                                       
                                                         
(
Imagem Pinterest)

Quando o tempo pede o silêncio, até nos calamos,
Mas os dedos falam...a escrita é um coração declarado,
o caráter é aconchego acampado, não há tramas,
É o centro procurando em tantas curvas,
se desviar do que não é limpo, profanado,
põe seu pé no Caminho reto,
Querendo o certo, desviando do errado,
Pedindo o já sonhado.
O amor não engana, não permite ser enganado,
a visão não se turva, nem tem dúvidas,
se não é assim, nunca amou,
não sabe, não sente, não tem noção, quando encontra o esperado.
Amor não aceita a ilusão nem ilude,
é água limpa que se bebe do poço cristalino, que por muitos jamais será conhecido, sem o profundo nado.
Duas vidas, um mesmo sonho, afugentando ilusões, alimentando o sagrado.
O amor pede o abraço manso, a palavra doce, o olhar diferenciado,
Olho no olho, a transparência total da alma extasiada,
Tudo é completo, intenso e calmo ao mesmo tempo,
e tão real, verdadeiro, que somente dois inteiros o encontra,
amor é união , só entende de totalidade.
Quando duas pessoas caminham no mesmo céu,
com tudo, internamente trabalhado,
Vira um livro de um conto só, é Sol que brilha, conhecido,
Aliança que jamais se quebra, quando emudecidos,
Tem as mãos para escrever, registro qualificado,
Sonhar e respirar, o sonho já há muito sonhado.
Amor não se quebra, pode ser perdido e nunca mais encontrado,
Visto que sendo forte, é tão sensível,
a alma, profundamente, sabe diferenciar o engano, sente,
o Espírito não é facilmente enganado,
ninguém é iludido, é chama que vem, aquece, conhecido, é fino trato,
Amor... amor...amor,
É do Céu um presente enviado,
é sério, mesmo brincando, sorridente,
as vezes um tanto chorado, sensibilizado,
tem em si o respeito, a fidelidade, lealdade necessária,
como mola mestra, é para os amadurecidos, crescidos verticalmente,
elo com o céu, pungente, declarado,
O amor só é brinquedo nas mãos de quem não está preparado.
Teônia Soares
Enviado por Teônia Soares em 11/01/2020
Alterado em 12/01/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras